Já está no ar o site da Iskra: adquirir os nossos livros ficou mais fácil

Já está no ar o site da Iskra: adquirir os nossos livros ficou mais fácil

Nossa editora militante feita por e para trabalhadores está de casa nova.

Fundada em 2007, aos 90 anos da Revolução Russa de 1917, e com o lançamento do livro A Revolução de Outubro, de Leon Trótski, a ISKRA é uma editora militante que busca contribuir para o desenvolvimento e a expressão de uma intelectualidade marxista revolucionária, orgânica da classe trabalhadora e da juventude. Desde sua fundação, publicamos livros a fim de ampliar os debates estratégicos do marxismo, como os temas ligados à opressão de gênero, raça e demais questões democráticas, além dos clássicos fundamentais de Trótski. Também de sua autoria, publicamos A Revolução Espanhola, uma compilação de textos de 1930 sobre esse processo revolucionário

A Coleção ISKRA Mulher conta com diversas publicações de grande importância. Em 2008, traduzimos e lançamos o livro Pão e Rosas – Identidade de gênero e antagonismo de classe no capitalismo, de Andrea D’atri, e lançamos sua segunda edição em 2017. Em 2009 traduzimos e lançamos o livro Lutadoras – histórias de mulheres que fizeram história, organizado por Andrea D’atri e Diana Assunção, que está em sua segunda edição, lançada em 2018. Em 2011, o livro Precarização tem rosto de mulher, organizado por Diana Assunção, foi lançado e logo reeditado em 2013, incluindo novos artigos. Em março deste ano, lançamos sua terceira edição, revisada e ampliada, recheado de novos anexos. Em 2014 traduzimos e lançamos o consagrado livro Mulher, Estado e revolução, de Wendy Goldman, publicado em parceria com a Boitempo Editorial. Em 2019, também em parceria com essa editora, lançamos a biografia da Rosa Luxemburgo escrita por Paul Frölich.

Lançamos em 2015, de maneira inovadora e independente, o livro A revolução e o negro, trazendo textos marxistas clássicos e inéditos em português, como de Leon Trótski, C. L. R. James e George Breitman. Organizado por Léticas Parks, Marcello Pablito e Daniel Alfonso, o livro foi revisado e ampliado para sua segunda edição lançada em 2019 e já está na sua segunda reimpressão.

No primeiro semestre de 2019, saiu Brasil: ponto de mutação, organizado por Edison Urbano. Também em 2019 saiu em português O marxismo de Gramsci, de Juan Dal Maso. Em abril deste ano, fizemos um debate para marcar a publicação da edição brasileira, no qual que contamos com a presença do autor Juan Dal Maso, de Fabio Frosini, Alvaro Bianchi, e com a mediação tradutor do livro e diretor editorial da ISKRA, Danilo Paris.

Um marco para nossa editora foi a tradução do espanhol ao português e sua consequente publicação em fevereiro deste ano de Estratégia socialista e arte militar, de Emilio Albamonte e Matias Maiello. É uma satisfação para nós, da ISKRA, a 80 anos do assassinato de Leon Trótski por um agente stalinista, publicar um livro como este, que passa em revista mais de um século de marxismo e que discute de maneira detida a perspectiva da revolução socialista no século XXI.

PRÉ-LANÇAMENTO: Edições ISKRA lançam “A precarização tem rosto de mulher”, uma arma para as nossas lutas

22 julho, 2020

[PRÉ-VENDA] “A Terceira Internacional depois de Lênin – Stálin, o grande organizador de derrotas”: uma escola de estratégia

22 julho, 2020