A Precarização Tem Rosto de Mulher: A luta das trabalhadoras e trabalhadores terceirizados da USP

R$20,00


Back Cover

Livro composto de diversos textos que tratam da questão do trabalho precário, sobretudo nos serviços de limpeza, que atingem sobretudo as mulheres negras em nosso país. O texto principal, baseado em relato de Silvana Ramos, relata a experiência da greve das trabalhadoras da empresa Dima, que prestava serviços de limpeza para a USP, quando os pagamentos foram suspensos. A auto-organização das trabalhadoras, a luta contra o peso do machismo e do patriarcado como obstáculo para a organização política e sindical, a solidariedade de classe do Sindicato dos Trabalhadores da USP, a aliança operário-estudantil com os estudantes e o papel da fusão entre a combatividade operária e a tradição marxista por meio da militância trotskista são alguns dos aspectos fundamentais tratados.

A terceira edição ampliada traz ainda textos que falam das lutas de trabalhadores precarizados na França e Chile, bem como uma discussão sobre a questão de como as lutas das mulheres negras estão umbilicalmente ligadas às lutas da classe operária no Brasil. A edição conta com as apresentação de Renata Gonçalves e Jorge Luiz Souto Maior

Description

A Precarização Tem Rosto de Mulher: A luta das trabalhadoras e trabalhadores terceirizados da USP

Detalhes do livro

Peso 214 g
Dimensão 18 × 12 × 1,5 cm
Páginas

224

Apresentação à 2° edição

Jorge Luiz Souto Maior

Apresentação à 3° edição

Renata Gonçalves

Edição

São Paulo; 2020; 3a Edição revisada e ampliada

ISBN

978-85-9535-176-9

Autor

Diana Assunção